15 de maio de 2017

San Sebastião (Donostia) é uma cidade da Comunidade Autónoma do País Vasco, situada na costa do Golfo de Vizcaya. A Baía chamada a Concha ou Pérola do Cantábrico, a origem do seu nome veio de um Mosteiro dedicado a São Sebastião.

Continuando a viagem saída de :Viseu: seguimos para :Salamanca: e depois de visitar-mos Burgos seguimos para São Sebastião depois de bem instalados na área de serviço para autocaravanas junto do estádio Anoeta coordenadas: N 43º 17´ 51´´ w 1º 58´18´´ Dali seguimos até a maravilhosa Baía de La Concha, onde percorremos todo o passeio marítimo admirando a maravilhosa Baía com dois montes nos extremos, Monte Igueldo foi uma fortaleza militar do século XII, onde podemos visitar a Torre do século XVIII que foi inicialmente um farol hoje e um excelente miradouro donde podemos ver a Ilha de Santa Clara para onde eram levados no século XVI os contagiados da peste. Podemos  subir ao monte através do funicular o mais antigo do Pais Vasco que ainda utiliza os  mesmos veículos e equipamentos da sua inauguração em 1912. Horários e preço do funicular                 Monte Igueldo 

No topo do Monte Urgull está o Castelo de La Mota com três capelas, uma delas serve como base para a imagem do Sagrado Coração com 12m de altura, foi construída em 1950, do seu topo temos um bonito panorama da cidade, vemos as 3 praias a 

Ondarreta, La Concha e Zurriola esta ultima é onde desagua o Rio Urumea. Podemos aceder a esta monte no minibus da linha 39 mas só funciona nos meses de Julho e Agosto nos outros meses só a pé. A Câmara Municipal esta instalada no antigo casino. Praça da Constituição e Estádio Anoeta.

A Praça da Constituição foi construída em  1689. O Ajuntamento, vendeu os apartamentos ao redor da praça mas manteve o direito sobre os balcões que estão por baixo dos  apartamentos, numerados que eram alugados para assistir as touradas que antigamente ali se realizavam, agora esta praça esta cheia de bares e esplanadas. E continuamos a percorrer as ruas admirando a bela arquitetura modernista dos edifícios do século XIX. Catedral do Bom Pastor.

A Catedral do Bom Pastor do século XIX foi construída com pedras tiradas do Monte Igueldo, em estilo neogótico e possui 3 naves longitudinais e uma transversal, o órgão é de 1954 era o maior de Espanha e um dos maiores da Europa, os vitrais são lindíssimos. A sua construção foi inspirada na Catedral de Colónia. Esta Catedral pode ser avistada de diferentes pontos da cidade a sua torre mede 75 m de altura. Catedral do Bom Pastor morada Plaza del Buen Pastor entrada grátis de Segunda a Sexta Feira das 8,30h as 12,30h e das 17h as 20h.
Uma das construções mais charmosas é o Palácio Miramar foi construído em 1845 para receber a família Real nas ferias de verão, após a morte do Rei Afonso XII a Rainha Maria Cristina manteve a tradição de passar as ferias nesta cidade. A bela praia da Baía da Concha.

  Posto de Turismo Boulevarde da Alameda aberto todos os dias das 9h ás 19h.
Pode viajar de autocarro entre as cidades Espanholas com a :Alsa

Leve sempre o cartão europeu de saúde que permite ter cuidados de saúde gratuitos nos hospitais públicos dentro da União Europeia. Pode ser tirado diretamente na segurança social ou pela Internet no portal do cidadão :Cartão Europeu de saúde:

Terminamos a nossa visita a esta encantadora cidade que já visitamos algumas vezes e seguimos para :Lourdes: noutra viagem seguimos para Bordéus  .    

A área de serviço junto ao estádio Anoeta GPS: N 43º 17´ 51´´ w 1º 58´18´´ o parque e muito grande tem que ter atenção aos dias de Área de serviço de Berio GPS: N 43º 18´28´´ W 2º 0´51´´ o estacionamento é pago numa maquina preço 4€ a 7€ dia dependendo da época, os serviços são grátis, é proibido abrir toldos por mesas e cadeiras na rua, estadia máxima de 72 h. A 100 m temos os bus que nos deixa na cidade velha linhas 5, 25 e 32, para quem gosta de andar de bicicleta a uma ciclovia até a cidade.


                                                  










                                           
.

Sem comentários:

Enviar um comentário